Seu navegador não suporta java script, alguns recursos estarão limitados. Finep divulga resultado do segundo edital do Inova Petro
fechar
Compartilhar

inova petro

A Finep acaba de divulgar o resultado final do segundo edital do programa Inova Petro. Foram selecionadas nove empresas após a etapa de Estruturação do Plano de Suporte Conjunto (PSC), em quatro linhas temáticas: Processamento de Superfície, Instalações Submarinas, Poços e Reservatórios. Agora, os projetos seguem para análise no Finep 30 Dias ou via BNDES, dependendo com que instituição ficará cada empreendimento. O Inova Petro conta com um total de R$ 3 bilhões para fomento de projetos de inovação, a serem investidos de 2012 (ano de lançamento do programa) até 2017.  No primeiro edital, foram aprovados 11 planos de negócios, com R$ 380 milhões.

Tanto a Finep quanto o BNDES irão disponibilizar seus instrumentos financeiros de apoio à inovação, de forma a aproveitar todos os recursos disponíveis de forma coordenada. Os recursos da Finep serão oferecidos nas modalidades de crédito, subvenção econômica, cooperativo ICT-Empresas e investimento direto em empresas inovadoras. Já o BNDES vai aplicar seus recursos na forma de crédito, participação acionária e FUNTEC. O apoio do programa é limitado a 90% do valor total do projeto, sendo o valor restante contrapartida mínima obrigatória da empresa selecionada. A Petrobras dará apoio técnico, no sentido de reduzir os riscos do desenvolvimento.

O Programa foi destaque em matéria publicada no jornal Valor Econômico sobre novas linhas de crédito do setor de óleo e gás. Os projetos vão financiar pesquisa e inovação a fim de substituir importações e produzir em escala bens de maior complexidade tecnológica. O objetivo é impulsionar o desenvolvimento da cadeia de fornecedores, meta que atende as exigências dos leilões da Agência Nacional do Petróleo (ANP), que regulamentaram o incremento da produção nacional. Maurício Syrio, superintendente da Área de Financiamento da Finep, destaca que os resultados dos investimentos no setor tendem a demorar um pouco para aparecer. "Quando se investe em um plano de inovação, pode demorar dois ou três anos para se concluir um projeto." Apesar do tempo, os resultados serão essenciais para a indústria nacional. É o que aponta o levantamento feito pelo departamento de pesquisa econômica do BNDES sobre perspectivas de investimento para o setor nos próximos quatro anos. 

 

Sede:
Av. República do Chile, 330, Torre Oeste - Centro
10º, 11º, 12º, 15º, 16º e 17º andares
CEP: 20031-170 - Rio de Janeiro - RJ.

 

Unidade Flamengo:
Praia do Flamengo 200, 3º andar
CEP: 22210-065  - Rio de Janeiro - RJ.


Telefone (21) 2555-0330

 

Outros endereços e telefones da Finep.