Seu navegador não suporta java script, alguns recursos estarão limitados. Finep e MCTI vão aplicar até R$ 10 milhões em pesquisas nas áreas de Materiais Avançados e Minerais Estratégicos
fechar
Compartilhar

 Materiais Minerais

A Financiadora de Inovação e Pesquisa (Finep) e o Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovações (MCTI) acabam de anunciar a liberação de até R$ 10 milhões, em recursos não reembolsáveis do Fundo Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (FNDCT), para apoio à ICT’s, no desenvolvimento de projetos de pesquisa e inovação nas áreas de Materiais Avançados e Minerais Estratégicos.

Segundo o diretor de Desenvolvimento Científico-Tecnológico da Finep/MCTI, Marcelo Bortolini, esta chamada pública busca a priorização e o equilíbrio, no Sistema Nacional de Ciência, Tecnologia e Inovação (SNCTI), entre a capacidade de geração do conhecimento, sua aplicação tecnológica e a entrega de valor decorrente dos impactos econômicos, sociais e ambientais. O objetivo é apoiar projetos que ajudem a escalonar ou dar continuidade a pesquisas nas áreas de materiais avançados e minerais estratégicos para inovação tecnológica. “Queremos incentivar a contratação de novas metas a partir de programas e iniciativas que já demonstraram qualidade técnica e capacidade de entrega”, afirmou Bortolini.

CONFIRA VÍDEO COM O DIRETOR MARCELO BORTOLINI

A iniciativa busca, ainda, estimular um ambiente de colaboração entre a indústria, a academia, empresas, governos e sociedade, que integre com ética e sustentabilidade, competências e habilidades organizacionais e individuais essenciais, visando o desenvolvimento nacional. Também são metas do edital, estimular a geração de empregos qualificados e a absorção de especialistas, engenheiros, mestres e doutores, pelo setor privado, evitando a subutilização e evasão de recursos humanos especializados; aumentar a competitividade da cadeia de valor da indústria nacional e incentivar a cultura empreendedora e a pesquisa aplicada em novos negócios.

O Formulário para Apresentação de Propostas ao edital estará disponível no site da Finep/MCTI a partir de 21 de outubro. O prazo para o encaminhamento de propostas vai até 14 de janeiro de 2021. No dia 22 de março de 2021, está prevista a divulgação do resultado final, ocasião em que será publicada a lista das Instituições contempladas no site da Financiadora.

Serão apoiados projetos que contemplem soluções aderentes às seguintes Linhas Temáticas: Saúde e Tecnologias Assistivas; Meio Ambiente; Defesa e Segurança Pública, Energia e Mobilidade; Descoberta Inteligente de Novos Materiais e Mapeamento Geológico Marinho.

São considerados Materiais Avançados aqueles que, devido às suas propriedades intrínsecas ou ao processo tecnológico de preparação, possuem a potencialidade de gerar novos produtos e processos inovadores de elevado valor tecnológico e econômico, de elevar o desempenho, de agregar valor ou de introduzir novas funcionalidades em produtos e processos tradicionais. Destacam-se entre os materiais avançados os metamateriais, nanomateriais e nanocompósitos, além dos derivados do carbono, como o grafeno, fulereno, nanotubos de carbono, os multifuncionais e os destinados à tecnologia quântica.

Já os Minerais Estratégicos para Inovação Tecnológica são aqueles cuja demanda é crescente e que deverá expandir ainda mais nas próximas décadas, devido à sua aplicação em produtos de alta tecnologia, como terras-raras, lítio, silício, tântalo, cobalto, grafita, metais do grupo da platina, molibdênio, tálio, tântalo, titânio, vanádio, entre outros. Eles são considerados essenciais na medida em que servem de base para diversos segmentos industriais e possuem aplicações em tecnologias modernas.

As propostas, cujo valor pleiteado deve estar entre R$ 500 mil e R$ 2 milhões, poderão ser individuais ou organizadas em formato de Rede de Pesquisa, com a integração de até três instituições. As ICTs públicas deverão, preferencialmente, contar com a parceria de uma fundação de apoio. É desejável, ainda, a articulação com empresas brasileiras, de porte e maturidade de mercado, inclusive startups de base tecnológica, do ecossistema de negócios em P,D,E&I (Pesquisa, Desenvolvimento, Engenharia e Inovação) associadas às tecnologias aplicadas em Materiais Avançados e Minerais Estratégicos a serem desenvolvidas, visando o lançamento dos novos produtos no mercado nacional e internacional.