Seu navegador não suporta java script, alguns recursos estarão limitados. Prefeito do Rio, Eduardo Paes, recebe selecionados do Prime
fechar
Compartilhar

Durante a etapa carioca do curso de capacitação do Prime (Programa Primeira Empresa Inovadora), que ocorre entre os dias 8 e 11/07, o prefeito Eduardo Paes receberá os empresários que tiveram seus empreendimentos selecionados na primeira fase. O encontro com Paes ocorre na quinta (9), no Palácio da Cidade. Ao todo, as incubadoras-âncora que atuam no Rio – Bio-Rio, Puc-Rio e Coppe/UFRJ – aprovaram 204 projetos oriundos de todo o Brasil. Com realização em outras nove cidades, o treinamento vai orientar os empresários sobre legislação, marketing, finanças e outros assuntos que contribuam para o aprimoramento de seus negócios. Veja o cronograma dos cursos.

Na abertura, que ocorreu na quarta-feira (8), a superintendente da Área de Pequenas Empresas Inovadoras da Finep, Gina Paladino, destacou a descentralização dos investimentos como o principal chamariz do Prime: “Este é o programa da Finep com maior capilaridade nacional”. Ao todo, 330 cidades brasileiras tiveram propostas inscritas no Portal Inovação e o número de empresas classificadas na primeira fase chegou a 1.878.

Para a Gerente de Negócios da Bio-Rio, Kátia Brandão, o Rio é um dos estados mais bem posicionados no programa. “Na Bio-Rio, recebemos inscrições de 119 empresas dos mais variados setores. O Prime representará uma mudança de paradigma, pois passaremos a apoiar companhias de áreas diferentes da biotecnologia, meio ambiente e agronegócios, com as quais não estamos habituados”, explica.

Já o professor da UFRJ Renato Rozental, um dos empreendedores selecionados, acredita que o Prime também vai ajudar a fazer a ponte entre a Academia e o mercado. “É importante que o pesquisador perca o medo de pesquisar também com foco em negócios”, diz ele, que é médico e fundador da Stratego, empresa nascente que desenvolve agentes farmacológicos com atuação neuroprotetora.

O Prime

Destinado a apoiar empresas inovadoras de base tecnológica que tenham até dois anos e estejam formalmente legalizadas, o Prime vai financiar empreendimentos que se destaquem pelo caráter inovador de seus produtos ou serviços. Em quatro anos, o programa deverá investir R$ 1,3 bilhão em cinco mil empresas nascentes. Para este ano, estão previstos recursos da ordem de R$ 230 milhões.

Cada empresa selecionada vai receber R$ 120 mil em recursos não-reembolsáveis, em duas parcelas, que serão aplicados na estruturação dos planos de negócios, visando ao desenvolvimento de novos produtos e serviços. O repasse dos recursos ficará a cargo dos agentes nos estados. As 17 incubadoras-âncora vão operar com recursos diferenciados, entre R$ 9 milhões e R$ 14,4 milhões. No cálculo, foram levadas em consideração as estimativas de demanda local apresentadas por essas instituições parceiras.

Das 3.159 empresas cadastradas no Prime através do Portal da Inovação, 775 residem em incubadoras e cerca de 2.700 nunca receberam qualquer tipo de apoio da FINE, que pela primeira vez contempla em sua política de financiamento à inovação empresas deste porte.

Conheça os 17 agentes do Prime em todo o país:

Cietec (SP)
Fipase (SP)
FVE/Univap (SP)
Biominas (MG)
Fumsoft (MG)
Inatel (MG)
Coppe/UFRJ (RJ)
InstitutoGênesis (RJ)
BioRio (RJ)
Celta (SC)
InstitutoGene (SC)
PUC/Raiar (RS)
Faurgs/CEI (RS)
Cide (AM)
Parque Tecnológico da Paraíba (PB)
Cesar (PE)
Cise (SE)



































 

Sede:
Av. República do Chile, 330, Torre Oeste - Centro
10º, 11º, 12º, 15º, 16º e 17º andares
CEP: 20031-170 - Rio de Janeiro - RJ.

 

Unidade Flamengo:
Praia do Flamengo 200, 3º andar
CEP: 22210-065  - Rio de Janeiro - RJ.


Telefone (21) 2555-0330

 

Outros endereços e telefones da Finep.